Insulfilm é bom, mas uso tem leis rigorosas

By admin
In junho 22, 2016
913 Views

Insulfilm é bom, mas uso tem leis rigorosas

Já diz aquele ex-árbitro de futebol e atual comentarista: a regra é clara. E quando o assunto é a película que escurece os vidros dos carros, essa mesma regra torna-se cristalina. De acordo com a Resolução 254/07 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), os vidros com películas escurecidas devem ter, no mínimo, as seguintes porcentagens de entrada de luz: 75% para os vidros incolores 70% para os vidros coloridos no caso do para-brisa, 70% para vidros laterais dianteiros, 28 % para vidros laterais traseiros e 28% para vidros traseiros.

É fato que o conhecido insulfilm é dono de algumas características que o faz ganhar vários adeptos. Ajuda a amenizar as temperaturas mais altas, inibe a ação dos raios ultravioleta e ajuda no quesito segurança, já que, dependendo do grau da película, não há como ver quem ocupa o veículo ou se há objetos de valor no interior.

“Mulheres procuram bastante o insulfilm. Por segurança mesmo. Exatamente para que ninguém veja quem está dentro do carro”, diz Marco André Fraga, gerente da Audio Center (3219-1027). “O vidro escurecido inibe um assaltante mesmo. Ele não sabe quantas pessoas estão no carro, se tem algum policial lá, então ele muda de vítima”.

Insulfilm é bom, mas uso tem leis rigorosas

Marco lembra que, mesmo com a lei sendo bastante clara quando o assunto é película para os vidros, não são poucos os proprietários de veículos que solicitam o material conhecido como G5, aquele que deixa os vidros totalmente escuros. “Por lei, não pode, mas tem cliente que exige”.

O que os clientes podem até exigir, mas que não podem fazer nada a não ser acatar é obedecer à risca as regras para quem manda colocar insulfilm. A principal delas é passar um período mínimo de 24 horas sem mexer nos vidros laterais. “Não pode abaixar nessas 24 horas, porque nesse movimento a base pode ser afetada e comprometer todo o serviço”, alerta Marco. Já o desembaçador traseiro está liberado. “Pode acionar tranquilo que não acontece nada”.

O preço médio do serviço para um carro popular de quatro portas é de R$ 150,00. Os valores variam de acordo com o modelo e o tipo de película.

Só para lembrar: trafegar com veículo que contém películas fora dos padrões acarreta em infração grave, punida com cinco pontos na carteira de habilitação e multa de R$ 127,69.

Insulfilm é bom, mas uso tem leis rigorosas, Insulfilm é bom, mas uso tem leis rigorosas, Insulfilm é bom, mas uso tem leis rigorosas, Insulfilm é bom, mas uso tem leis rigorosas

Leave A Comment